Como o Kinect vai revolucionar o computador

13/11/2011 at 9:25 pm Leave a comment

Era inevitável: o Kinect não duraria muito apenas como um acessório para video games. Junto com a comemoração de um ano do lançamento do aparelho, a Microsoft declarou recentemente que o sensor que transforma você no joystick deve chegar ao Windows em 2012. O próprio produto para Xbox 360 já estava transpondo a barreira do entretenimento, mas a portabilidade para computadores deve ser uma verdadeira revolução.

A detecção do corpo seria uma melhoria muito maior do que uma webcam aprimorada ou um extra para games – que nem precisariam de uma área enorme para serem jogados. Imagine-se navegando sem o mouse, com uma liberdade muito maior de uso. Pense no leque de inúmeras possibilidades adicionais em aplicativos de criação e edição de vídeos ou fotos, por exemplo.

Mas o que será que está mais próximo de acontecer? Quais as utilidades mais criativas que podem ser incorporadas em um computador com o Kinect? Respondemos a essas perguntas com alguns exemplos que podem figurar nos PCs em um futuro que não é muito distante.

Adeus, mouse!

O item mais óbvio é também um dos mais divertidos. A Microsoft provavelmente vai querer a melhor interação possível entre seu sistema operacional e o Kinect – e isso inclui praticamente todas as áreas da navegação.

Imagine mover cada ícone desses com as mãos! (Fonte da imagem: Tecmundo)

Uma integração total possibilitaria ao usuário abrir qualquer conteúdo sem o mouse, utilizando apenas o movimento das mãos. A interface Metro, uma das maiores novidades do Windows 8, cairia como uma luva aqui: pense em como seria mover com liberdade e fluidez os quadrados contendo os aplicativos, ou até arrastar os ícones indesejáveis para a Lixeira com muito estilo.

Libere o artista em você

Novos aplicativos podem ser criados para extrair o máximo de eficiência do sensor de movimentos do Kinect. Com isso, logo deve ser possível desenhar digitalmente em um programa similar ao nosso “Paint”, mas como se você estivesse realmente pintando uma tela, já que movimentaria os braços no ar para criar uma imagem.

Algumas modificações do Kinect já permitem desenhar em telas. (Fonte da imagem: Joystick Division)

Apesar de não substituir o desenho a partir de canetas especiais ou tablets gráficos, que digitalizam o conteúdo rabiscado, o método utilizando as mãos traria novas possibilidades aos artistas ou designers, que ainda teriam maior facilidade ao mexer em ferramentas de edição. Versões futuras do Photoshop ou do GIMP com ferramentas exclusivas para o Kinect – e que, no futuro, trariam uma precisão ainda maior – não seriam nenhuma surpresa.

Central multimídia

Podemos exemplificar a ideia com apenas uma indicação: “Minority Report – A Nova Lei”. O filme estrelado por Tom Cruise é a grande referência quando o assunto é navegar entre dados multimídia com o uso das mãos, já que apresenta um mecanismo futurista que pode muito bem virar realidade.

Imagine-se visualizando uma biblioteca de documentos, pastas cheias de músicas e os filmes armazenados em seu computador, tudo sem a ajuda do mouse. Apenas o movimento das mãos é necessário, proporcionando um dinamismo bastante confortável a quem utilizasse tais serviços.

“Minority Report – A Nova Lei” (Fonte da imagem: 20th Century Fox)

Como o próprio Kinect oferece um serviço muito parecido, porém restrito ao Xbox 360, esse item deve figurar com toda a certeza na versão para computadores.

Conversas sem fronteiras

Você já tentou de tudo para melhorar suas transmissões de vídeo via webcam, mas sua imagem continua borrada, desfocada ou apresentando travamentos? Com o Kinect, esqueça toda essa dificuldade em manter videoconferências, já que o sensor também conta com uma câmera para reproduzir a imagem de quem está de frente para o aparelho.

Mais do que mostrar você em uma boa resolução de imagem, transmissões com o Kinect são capazes de reconhecer a posição de um ou mais participantes, focalizando cada pessoa com facilidade, mesmo que ela faça vários movimentos com o corpo. Além disso, integrações com softwares como jogos online ou o Power Point, por exemplo, deixariam as conversas bem mais interessantes.

E não estamos falando de apenas um papo entre duas pessoas – reuniões inteiras poderiam ser conduzidas sem problemas com a ajuda do aparelho.

Uma nova dimensão

O vídeo abaixo, que foi lançado recentemente pela Microsoft para promover os avanços do Kinect, dá uma ideia das possibilidades do aparelho com tecnologias tridimensionais.

A interação no manuseio de modelos em 3D em Medicina, Engenharia ou materiais escolares não deve ser tão evoluída desde o início, mas a ideia é atingir um patamar próximo ao do vídeo. Aplicativos como o AutoCAD, cujas funções incluem a moldagem de objetos em três dimensões, ganhariam um realismo muito maior com o Kinect.

Com a transmissão de sua imagem para a tela, você não só teria mais facilidade em usar as ferramentas de renderização do objeto, mas também seria capaz de controlar o que está sendo moldado. Imagine-se montando um cubo e poder segurá-lo, mesmo que virtualmente, para avaliar se ele foi corretamente produzido.

Os games também saem ganhando

Apesar de ter sido feito com foco em “transformar o jogador no joystick”, a biblioteca de jogos do Xbox 360 que utilizam o sensor de movimento de maneira adequada é decepcionante. Por enquanto, são apenas títulos básicos e próprios, como o Kinect Adventures, ou games que exigem o uso do corpo, como Just Dance 3.

Ao transportar o Kinect para o computador, seria uma tarefa muito mais simples atingir o jogador hardcore – aquele fã que sempre consome os maiores lançamentos do mercado e vive em busca de uma maior experiência com games. Vale a pena lembrar que a potência gráfica do PC é comprovadamente maior do que a dos consoles atuais, caso a máquina conte com configurações potentes.

O Kinect ainda poderia ser integrado com controles especiais, como os que têm formato de pistola ou volante, por exemplo, criando experiências que podem beirar o realismo em gêneros como o FPS. Tanto a indústria dos jogos para PC quanto o próprio aparelho sairiam ganhando com essa parceria.

Advertisements

Entry filed under: Uncategorized.

5 notebooks conceituais impressionantes Artista coreano cria homens com correntes de bicicleta

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed



%d bloggers like this: